Comunicação do ficheiro SAFT (PT)

A exportação e submissão do ficheiro SAFT (PT) por vezes suscita algumas dúvidas, por isso é importante que tenha em atenção a criação da ficha de cliente, ficha de fornecedor e ficha do produto, entre outros aspetos.

Campos obrigatórios

Ficha de cliente

  • NIF/NIPC;
  • Nome;
  • Morda – Nome da rua, número polícia e andar (se aplicável);
  • Código postal em formato XXXX – YYY;
  • Localidade;
  • País.

Ficha de fornecedor

  • NIF/NIPC;
  • Nome;
  • Morada – Rua, número polícia e andar (se aplicável). Correspondente à morada sede ou do estabelecimento estável em território nacional;
  • Localidade;
  • Código postal em formato XXXX – YYY;
  • País.

Ficha de produto

  • Indicador de produto ou serviço – Mercadoria, serviço ou matéria-prima;
  • Identificador do produto ou serviço – Código do produto;
  • Descrição do produto – Deve corresponder à denominação usual dos bens ou dos serviços prestados com especificação dos elementos necessários à determinação da taxa de imposto aplicável;
  • Taxa de IVA.

Dados da empresa

  • Nome;
  • Morada;
  • NIF/NIPC;
  • Matrícula – Número de matrícula da Conservatória
  • Capital Social.

Documentos Comerciais

Documentos de venda e retificativos, emitidos pela empresa, incluindo documentos anulados.

  • Data do documento;
  • Identificador do cliente – De acordo com a tabela de cliente;
  • Morada detalhada – Deve incluir o nome da rua, número polícia e andar (se aplicável);
  • Localidade;
  • Código postal – Em formato XXXX – YYY;
  • País;
  • Data e hora de transporte – Obrigatório se o documento servir de documento de transporte de acordo com o disposto no RBC, aprovado por Drecreto-Lei nº147/2003, de 11 de julho;
  • Identificador e descrição do produto ou serviço – De acordo com a ficha de artigo;
  • Data de envio da mercadoria ou prestação do serviço – Em contexto de documento de transporte;
  • Montante do pagamento – Deve ser indicado o montante por meio de pagamento.

Mensagem de alerta WISEDAT

Caso sejam detectados campos obrigatórios sem preenchimento, o sistema WISEDAT lança uma mensagem de alerta, para que tenha a possibilidade de inserir os campos em falta e assim submeter o SAFT (PT) corretamente.

Todavia, deve ter em atenção o seguinte, trata-se apenas de um alerta, não de uma mensagem de erro, caso pretenda pode prosseguir com a exportação do SAFT (PT). No entanto, a WISEDAT aconselha que todos os seus utilizadores preencham de forma completa, todas as tabelas a serem submetidas através do ficheiro SAFT (PT), no Portal das Finanças.

 

Quero saber mais

 

Lembramos que para o ano de 2019, o prazo de comunicação dos elementos das faturas passa a ser efetuado até dia 15 do mês seguinte da data de emissão das faturas.

 

Artigos relacionados com o SAFT (PT):

Exportar e submeter o ficheiro SAFT (PT);

Validador do ficheiro SAFT(PT);

Alterações ao SAFT(PT) – (1 de Julho de 2017).

 

Declaração de isenção de responsabilidade
A informação contida neste artigo tem uma finalidade meramente informativa. Não é nem deve ser entendida como aconselhamento jurídico. Não queremos deixar de reforçar que nada substitui as diligências de averiguação aprofundada e de procura de aconselhamento jurídico/contabilístico pelos próprios clientes, caso não estejam seguros das implicações que o SAFT (PT) terá nas suas empresas.

 

Aguardamos o seu feedback, para mais informações contacte-nos.

Tags

top